Revista Eletrônica Estácio Saúde, Vol. 5, No 2 (2016)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

MORTALIDADE POR LEPTOSPIROSE NO ESTADO DO AMAPÁ (2005 – 2014)

Francis Christian da Silva Pereira, Elivan Ferreira dos Santos

Resumo


Os seres humanos são apenas hospedeiros acidentais e terminais dentro da cadeia de transmissão, que ocorre no contato direto ou indireto com a urina de animais infectados. O objetivo deste estudo é analisar a mortalidade por Leptospirose no Estado do Amapá/Brasil entre 2005 a 2014. Trata-se de um estudo quantitativo, transversal e descritivo, em agosto de 2016, com dados extraídos no Sistema de Informação de Agravos de Notificação e no Sistema de Informação sobre Mortalidade. No Amapá, foi verificado 13(81,3%) óbitos em homens e 4(18,7%) óbitos em mulheres. A faixa etária mais afetada pelos óbitos foi de 20 e 59 anos com 10(64,4%) óbitos. As informações expõe a fragilidade dos homens jovens, que fazem parte da parcela da população ativa a doença e a morte.Descritores: Leptospirose; Mortalidade, Notificação de doenças.

Texto Completo: PDF

Resultado de imagem para latindex