HÓRUS, Vol. 12, No 1 (2017)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

Adsorção do paracetamol em carvão ativado: regressão da citotóxicidade e mutagênicidade no sistema Allium cepa.

Luciana Rodrigues Lessa, Fernanda de Melo Regazio Cariello

Resumo


Os fármacos são micropoluentes orgânicos que contribuem significativamente para a contaminação ambiental, acarretando até mesmo em danos a saúde. Estas substâncias nocivas, cada vez mais, são encontradas nos efluentes, tanto industrial quanto doméstico. As estações de tratamento de aguas residuárias atuais não possuem eficiência no tratamento e retenção destes fármacos, pois trabalham na remoção de moléculas mais simples, o que agrava poluição e contribui para a bioacumulação dos mesmos. Torna-se de extrema importância a busca por soluções eficientes para a retenção e remoção desses micropoluentes.  A técnica de adsorção por carvão ativado tem se mostrado eficiente e com resultados positivos tanto na retenção quanto na oferta mercadológica, pois o mesmo pode ser obtido através do refugo de outras empresas, impactando diretamente no baixo custo e na sustentabilidade do processo. O sistema  Allium cepa,  é uma metodologia amplamente utilizada na avaliação da citotoxicidade, genotoxicidade e mutagenicidade de compostos farmacologicamente ativos, além de ser eficiente de baixo custo e fácil execução. Foram observadas 20 cebolas, divididas em quatro grupos controles. Na análise de verificação do crescimento das raízes houve a comprovação da redução da característica citotóxica das amostras que passaram pelos filtros.


Texto Completo: PDF

Revista Horus - ISSN: 1679-9267 - endereço eletrônico: horus@estacio.br