Revista Mangaio Acadêmico, Vol. 1, No 1 (2016)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

Tribos virtuais: uma análise do uso das mídias sociais pelos movimentos indígenas

Rosinete Felix Ribeiro, Luis Augusto de Carvalho Mendes, Patrícia Monteiro Cruz Mendes

Resumo


O propósito desta pesquisa foi investigar o uso do Facebook pelos movimentos indígenas, visando analisá-lo como forma de mobilização política desenvolvida pelas organizações e os ativistas do movimento. Para isso, foram analisadas onze fan pages ligadas ao movimento indígena, sendo selecionadas 35 postagens textuais de cada perfil e suas respectivas interações, que totalizaram 385 postagens e 644 comentários. Utilizou-se a técnica da Análise de Conteúdo para a realização do estudo. Com as análises, as palavras foram organizadas nas categorias temáticas: índios, lutas, direitos, internet e federação, sendo os termos mais frequentes: índios/indígenas, povo, brasileiro, cultura, terras, nacional, lei e www. Os resultados indicam que os movimentos indígenas fazem uso do Facebook como ferramenta para mobilização e aperfeiçoamento democrático a partir do ativismo político nas mídias sociais.


Texto Completo: PDF

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution 3.0 License.